Nova versão M2 CS da BMW

 

Um carro de pista para a estrada, ou um carro de estrada para a pista? A nova versão M2 CS da BMW não perde o seu foco extremista, fazendo uso de uma motorização M TwinPower Turbo de 3.0 litros e seis cilindros em linha com uma potência total de 450 CV, mais 40 CV do que o M2 Competition, e com um binário máximo de 550 Nm.

Modelo qu dilui as fronteiras entre a pista e a estrada, o novo M2 CS é o primeiro modleo exclusivo e de produção limitada criado pela BMW M GmbH para o segmento Premium compacto, retirando ensinamento diretos dos BMW M3 CS e M4 CS. Com aquele motor e uma redução no peso total, o modelo bávaro acelera dos zero aos 100 km/h em 4,0 segundos com caixa M DCT opcional de sete velocidades (ou 4,2 segundos com a caixa manual de série, o que é uma estreia num modelo CS). Já a velocidade de ponta está limitada eletronicamente a 280 km/h com o pacote M Driver’s Package.

Quanto a consumos, os mesmo variam entre os 10,2-10,4 l/100 km da versão com caixa manual e os 9,4-9,6 l/100 km com a caixa M DCT. As emissões variam entre os 233–238 g/km de CO2 no manual e os 214-219 g/km de CO2 no automático.

 

 

Uma das particularidades deste modelo desportivo é o seu elevado recurso a Polímeros Reforçados com Fibra de Carbono (PRFC), material aplicado por exemplo no capot e que permite reduzir o seu peso em 50%, o mesmo sucedendo com o tejadilho. As entradas de ar centrais melhoram a carga aerodinâmica. Já o splitter dianteiro, spoiler na tampa da bagageira e difusor traseiro são feitos em fibra de carbono.

Na especificação base, o M2 CS conta com suspensão M Adaptativa com modos Comfort, Sport e Sport+, além de sistema de travagem M Sport com maxilas pintadas a vermelho. Opcionalmente, o cliente pode optar por discos em carbocerâmica M, o mesmo se aplicando aos Active M Differential e M Dynamic Mode, que alteram os parâmetros do modelo em termos de respostas. O sistema de escape tem flaps controlados eletronicamente para variar a agressividade da sonoridade, terminando em quatro saídas junto ao para-choques traseiro (cada uma com o logótipo M).

Junte-se as jantes de 19 polegadas de baixo peso em preto brilhante ou, opcionalmente, em dourado mate, associados a pneus Michelin Pilot Sport Cup 2 especialmente adaptados, e a BMW promete um comportamento altamente desportivo e aguerrido, sendo também esta a base para o modelo de competição amadora da marca – o novo segmento Clubsport, disponível a partir de 2020. A visão exterior fica completa com a cor Misano Blue, um azul metalizado especial exclusivo para este modelo.

A bordo, nota para os bancos desportivos M Sport vindos do BMW M4 CS com encostos de cabeça integrais e faixas BMW M, numa combinação de revestimento em couro Merino/Alcantara com pespontos contrastantes a vermelho.

Os preços deste novo M2 CS começam nos 95.000€ na Alemanha, esperando-se a sua chegada à estrada na primeira metade de 2020.

 

 

Fonte: Motor 24